Star Wars | O que aparece nas primeiras HQs do Universo Expandido

Jefferson Nunes
Por Jefferson Nunes
19/12/2016

Este texto traz a continuação da exposição do Vol. 1 da Star Wars Comics, da editora Planeta DeAgostini. A segunda parte desse volume é particularmente interessante, já que traz as primeiras histórias do Universo Expandido de Star Wars em HQ, com roteiros de Roy Thomas (maioria das primeiras histórias), Don Glut e Archie Goodwin e traços de Howard Chaykin, Frank Springer, Tom Palmer (maioria das primeiras histórias), Alan Kupperberg e Carmine Infantino.

É interessante notar como os roteiristas e desenhistas foram fiéis ao espírito da criação de George Lucas, e conseguiram explorar bem o perfil das personagens sem desconstruir nada do que foi explorado no Episódio IV, apontando rumos bem plausíveis para suas aventuras, e aprofundando as personalidades de cada um, adicionando novas figuras que se tornariam lendárias no UE. Nada nessas histórias (ou muito pouco) está fora do lugar ou foi inviabilizado pelos filmes seguintes, e poderiam muito bem representar as muitas aventuras vividas pelos Rebeldes no período compreendido entre os filmes.

Veja também:

> Leia todos os posts sobre a saga Star Wars

[Há alguns spoilers leves]

7. NOVOS PLANETAS, NOVOS PERIGOS

star-wars-hq-comics-2

A primeira história em quadrinhos do Universo Expandido de SW começa com um ponto de partida interessante: a saída de Han Solo e Chewbacca de Yavin em direção a Tatooine, com o dinheiro que ganharam pela ajuda no resgate da Princesa Leia e na batalha contra a Estrela da Morte, que lhes permitirá pagar a enorme dívida contraída com o malfeitor Jabba, o Hutt.

Essa viagem, porém, será interrompida pelo aparecimento de um novo personagem do estilo de Han Solo, o contrabandista Jack Escarlate, que captura a Millennium Falcon e rouba o dinheiro de Solo, colocando-o em sérios problemas: sem o dinheiro que seria capaz de pagar a dívida com Jabba, Han percebe que sua cabeça e a de Chewbacca serão colocadas a prêmio pelo Hutt, o que os obriga a “sair de cena” por uns tempos.

Para fazer isso, decidem ir para Aduba-3, um planeta coberto por planícies desérticas do sistema Aduba, na Orla Exterior. Ele havia sido vítima de especuladores que espalharam boatos de que possuía grandes reservas de Cromo, o que se revelou falso, lançando o planeta no obscurantismo, e tornando-o local perfeito para quem quisesse se esconder e conseguir algum dinheiro.

Solo e Chewbacca, porém, nunca conseguem ficar muito tempo longe de problemas, e logo após chegar a Aduba-3, se envolvem em uma briga para defender um sacerdote que estava tentando enterrar um ciborgue no cemitério local, algo que não era aceito por muitos dos habitantes do espaçoporto. Após um tenso confronto, Chewie e Solo se dirigem para uma cantina para descansar. Mas será que conseguirão?

8. OS OITO CAMPEÕES DE ADUBA-3

star-wars-hq-comics-3

O capítulo inicia com uma confusão na cantina (mais uma pra conta da dupla da Falcon…), ao final da qual agricultores locais contratam Solo para dar cabo de um grupo de foras-da-lei conhecidos localmente como Cavaleiros das Nuvens, comandados por Serji-X Arrogantus. O grupo atacava anualmente as aldeias dos camponeses no período das colheitas, e roubava seus recursos, sequestrando as mulheres para se divertir.

Assim, eles buscavam um salvador para livrá-los da tirania de Serji-X, e, ao tomar conhecimento de Solo, foram pedir ajuda dele. Solo, embora soubesse que o pagamento pela ajuda seria pouco, decidiu ajudar, e pediu para ser espalhada a notícia de que estava contratando mercenários para uma missão.

Assim, ele e Chewbacca selecionam interessados em trabalho (algo não muito fácil de ser encontrado nessas regiões ermas da galáxia): Hedji, um espinhaço, alienígena capaz de lançar espinhos do corpo; Amaiza, chefe da Gangue do Buraco Negro, que havia sido desestruturada pelo Império; Don-Wan Kihotay, um velho que se achava o último cavaleiro Jedi, e que Solo aceitou por seu sabre de luz.

Veja também:

> Como funciona a armadura de Darth Vader

Também foram aceitos Jaxxon (ou Jax), um grande coelho bípede que se dizia carnívoro; Jimm, um jovem local que se denominava “Jovem Assassino de Estrelas” (mas que mal sabia segurar um Blaster); e seu fiel escudeiro, o robô Effie. Esses personagens se tornariam bastante queridos pelos fãs do Universo Expandido, e fizeram participações em algumas HQ posteriores.

Enquanto isso, Luke Skywalker parte de Yavin 4 em busca de uma nova base para a Aliança Rebelde, já que o Império sabe do local de instalação dela, e é apenas questão de tempo até atacá-la, mesmo sem a Estrela da Morte. Luke, porém, mal imagina o que essa busca reserva para ele…

9. CONFRONTO EM UM MUNDO DESOLADO

star-wars-hq-comics-4

Mostra a chegada dos mercenários de Solo à aldeia dos camponeses e seu confronto com monstros chamados Mastins Voadores, grandes aves semi-humanas, que ameaçam a colheita. Esse combate permite que o grupo de Solo se aproxime dos habitantes do lugar, e que se prepare para a luta principal contra Serji-X (embora o jeito malandro de ser de Solo o leve a se interessar pela aldeia mais por uma bela garota que ali vive do que por preocupações realmente altruístas…).

Enquanto isso, Luke chega às proximidades de um anônimo planeta orbitando a estrela Drexel, e que aparenta possuir boas possibilidades de abrigar a base da Aliança Rebelde. Quando Luke entra em contato com Leia para contar sobre o lugar, porém, algo acontece, a transmissão é cortada e Leia parte para procurar por ele, sem saber o quão difícil essa viagem será.

Em Aduba-3, finalmente tem início o confronto dos mercenários de Solo, com a chegada dos Cavaleiros das Nuvens de Serji-X. A sorte, porém, não parece estar com o grupo de Solo, em menor número e menos preparados que os homens de Serji-X, que chegam montados em Skyspeeders.

Veja também:

> Como Boba Fett fugiu do Sarlacc (e o que é um Sarlacc)

Em meio às baixas do grupo e ao intenso confronto, Solo vê, horrorizado, um ancião local tido como louco começar um ritual de invocação de uma criatura mítica, que dizia ser capaz de controlar. A invocação, para surpresa geral, dá certo, e todos são pegos de surpresa quando um enorme Behemoth abre uma cratera na montanha perto da aldeia, o que pode mudar completamente o rumo da batalha…

10. O BEHEMOTH DO MUNDO SUBTERRÂNEO

O desfecho da saga de Aduba-3, que começa com a mudança da batalha, onde Serji-X e seu grupo iniciam uma luta contra o Behemoth, deixando o grupo de Solo em paz por algum tempo. A criatura, porém, é muito forte e começa a acabar com os Cavaleiros das Nuvens. Em uma tentativa de acabar com o controle do monstro (o velho xamã da aldeia, que a havia invocado, e estava comandando as ações da criatura), Serji-X parte para matá-lo, mas o Behemoth esmaga tanto o bandido quanto o xamã, pondo fim ao reinado do malfeitor, e causando a fuga de seus comparsas sobreviventes.

O fim do xamã, porém, tira o controle do monstro, que começa a destruir tudo ao seu redor. O pessoal de Solo, reagrupado, percebe que sua luta agora é contra o Behemoth, mas parece que não há nada no grupo de mercenários que possa parar o monstro. Um rompante de bravura do velho Don-Wan Kihotay mostra que a criatura tinha receio do sabre de luz, e Solo percebe que essa é a sua chance. Pegando o sabre do velho, Solo ataca o Behemoth, e consegue, por um golpe de sorte, cravar a arma no corpo do monstro. O sabre cria uma reação em cadeia que destrói a criatura, pondo fim a seu ataque destruidor e salvando a aldeia.

Assim, chega ao fim a saga de Aduba-3, primeira do Universo Expandido de SW em quadrinhos, que trouxe à vida personagens bastante carismáticos e complexos, merecedores de ter a personalidade melhor explorada, e receber suas próprias histórias.

Os problemas de Solo, porém, não terminaram, pois sua cabeça continua a prêmio, e isso poderá ter sérias consequências para o corelliano e seu companheiro Wookiee…

star-wars-hq-comics-5

11. BUSCA ESTELAR!

O último capítulo do volume inicia com a saída de Solo de Aduba-3, pretendendo voltar para a Aliança Rebelde (possivelmente o lugar mais seguro para fugir de Jabba), mas seus planos são frustrados pelo reaparecimento, próximo a Yavin, do cruzador de Jack Escarlate, o contrabandista que roubou seu dinheiro.

Pretendendo se aproveitar de Jack, Solo deixa que a Millennium Falcon seja rebocada para o Cruzador do contrabandista, mas eis que tem uma surpresa quando descobre que a Princesa Leia também foi capturada pelo gatuno quando saía de Yavin em busca de Luke. O interesse de Jack Escarlate de conseguir um resgate por Leia é frustrado pela resistência da princesa em revelar o local da base rebelde, e, perante o impasse, Solo usa um dos seus clássicos blefes, apelando para a ganância do contrabandista e prometendo uma volumosa quantia em créditos espaciais em troca da localização da base rebelde.

Fingindo uma paixão entre ele e Leia, Solo consegue arrancar dela o nome do Sistema Drexel (onde Luke se perdeu), como local para a falsa base rebelde que Jack Escarlate quer descobrir. Assim, o Cruzador de Jack Escarlate começa a viajar para lá, enquanto o corelliano continua a enaltecer o tesouro que receberão dos rebeldes, enquanto tenta bolar algum plano que lhes permita escapar do contrabandista com vida.

Enquanto isso, em Drexel, Luke reaparece, em péssimas condições, já que sua nave flutua em um vasto mundo aquático, e ele, R2 e 3PO estão à mercê de grandes monstros aquáticos. Mas eis sua surpresa quando nota que um desses é montado por um humano como se fosse um cavaleiro. Que lugar é esse, e como o rebelde conseguirá escapar de tal situação desesperadora?