A diferença entre Stormtroopers e Clone Troopers em Star Wars

Jefferson Nunes
Por Jefferson Nunes
23/12/2016

Dentro do universo de Star Wars, marcado indelevelmente pela guerra, muitos são os grupamentos militares existentes, que são criados e se desenvolvem em cada momento específico. No período compreendido pelos filmes de George Lucas, os dois mais importantes são os Clone Troopers e os Stormtroopers, e, em geral, há bastante confusão das pessoas para distingui-los. Por isso, resolvi escrever um pequeno texto para elencar as principais diferenças entre os dois tipos de exército.

Antes de qualquer coisa, é preciso esclarecer que esse não é um post que busca uma longa explicação do surgimento e desenvolvimento específico de cada um dos dois tipos de soldado, nem de sua hierarquia e rumos que tomaram, mas uma conceituação mais básica para diferenciá-los, dada a dificuldade que muitos têm para fazê-lo.

CLONE TROOPERS: O BRAÇO ARMADO DA VELHA REPÚBLICA

A técnica de clonagem já era conhecida na Galáxia de Star Wars há muito tempo, e os habitantes do planeta Kamino se orgulhavam de ter excelência para realizá-la. Sua técnica era tão apurada que conseguiam modificar o desenvolvimento metabólico dos clones, de forma que seu processo de crescimento fosse acelerado, e recebessem todas as habilidades do indivíduo que servira de matriz para a clonagem, tornando-se, assim, produtivos de forma muito mais rápida do que se fossem clonados com crescimento natural e precisassem desenvolver as habilidades desejadas individualmente.

clone-troopers-star-wars

Além disso, os clones recebiam alterações genéticas que os tornavam 100% obedientes a quem os encomendara, de forma que eram muito eficientes, não questionando as ordens recebidas e cumprindo-as fielmente, traço de grande valor para quem os comprava para usar em guerras. Diferentemente dos droides, porém, era mantida certa autonomia de comportamento, que os permitia tomar decisões próprias e rápidas quando necessário.

Veja também: 

> Como funciona a armadura de Darth Vader

Os clones foram treinados intensivamente em Kamino por 10 anos, aprendendo táticas de batalha, luta e uso de veículos, tornando-se, assim, um exército de elite, muito superior aos droides que eram usados pelos separatistas. Além disso, os clones destinados ao comando de cada grupamento recebiam treinamento especial para desempenhar essa função.

jango-fett-star-wars

Jango Fett, o “pai” dos Clone Troopers

Quando o Mestre Jedi Zaifo-Vias fez a encomenda de clones para Kamino, os técnicos do planeta utilizaram o Caçador de Recompensas Jango Fett como modelo para os clones. Assim, todas as duplicatas adquiriram suas habilidades para pilotar naves e lutar, bem como seu vigor corporal, além, é claro, de sua aparência física. A única exigência dele para ceder seu material genético para a clonagem, como mostrado no Episódio II – Ataque dos Clones, foi a entrega de um clone para si, que não tivesse recebido o aceleramento de crescimento, nem a restrição de obediência. Esse clone foi criado por Jango Fett como filho, e se tornaria o lendário Boba Fett, o maior e mais temido Caçador de Recompensas de seu tempo.

A atuação dos Clone Troopers na guerra da República contra os separatistas foi muito importante, e a capacidade física das duplicatas, aliada ao comando de Cavaleiros Jedi, foi fundamental para o avanço republicano nos tempos conturbados mostrados nos Episódios II e III, tanto que o período foi denominado como Guerras Clônicas, um grande conflito que envolveria toda a galáxia e culminaria na ascensão de Palpatine ao poder.

Os clones, porém, haviam tido também a inserção de um chip em seu cérebro, pela República, ativado quando Palpatine se tornou Chanceler Supremo e promulgou a Ordem 66, que determinou o extermínio dos Jedi. Assim, os fiéis servidores dos Cavaleiros até aquele momento não tiveram como evitar se voltar contra eles, e muitos Jedi foram mortos por suas mãos.

Veja também:

> AT-AT: uma mancada da engenharia imperial

Os Clone Troopers se tornaram, então, a força militar do Império em seus primeiros anos, recebendo a denominação de Stormtroopers, fundamentais para a redução da galáxia à submissão. Tornaram-se, porém, descartáveis com o tempo, já que seu metabolismo acelerado continuou a atuar, o que os fez envelhecer rapidamente após a ascensão do Imperador. Era necessário buscar uma alternativa para substituí-los, o que levou à instituição dos Stormtroopers.

STORMTROOPERS: O BRAÇO ARMADO DO IMPÉRIO

Com o envelhecimento precoce dos Clone Troopers, foi necessário instituir uma nova força militar para defender os interesses de Palpatine, e isso foi alcançado pela construção de uma rede de academias de formação militar, que captavam jovens de toda a galáxia para o trabalho para o Império. Muitos Clone Troopers mais velhos se tornaram instrutores dos jovens soldados, servindo ao Imperador de uma última forma.

stormtrooper_corps

Assim, durante os anos subsequentes à queda dos Jedi e da República, foi construído um aparato militar que retirava jovens humanoides de suas famílias (muitas vezes de forma violenta, outras vezes de forma mais tranquila, como aconteceu com Biggs Darklighter, amigo de Luke) e os treinava para se tornarem soldados de Palpatine, responsáveis por trabalhar na submissão dos povos subjugados pelo imperador. De certa forma, funcionava como uma espécie de serviço militar obrigatório, e aqueles que se destacavam podiam ascender na hierarquia.

Todo um corpo militar se constituiu, com hierarquização e elaboração de vários postos de comando. Havia toda uma linha de comando, que ascendia até o cargo de Moff, do qual Tarkin é apenas um dos representantes. Cargos específicos de comando de bases militares, grandes projetos militares ou mesmo de planetas inteiros de trabalho forçado também existiam, de forma que toda uma rede burocrática permitia o fiel cumprimento das ordens do Imperador.

todos-os-stormtroopersStormtroopers eram o grupamento de elite das forças militares imperiais, temíveis em toda a Galáxia, por sua disciplina, habilidade e resistência, servindo como lembrança constante do poder de Palpatine e sendo a extensão de sua vontade. Também havia destacamentos especializados de Troopers (alguns existentes desde os exércitos de clones), que recebiam treinamento e denominações específicas conforme sua área de atuação: Snowtroopers (especializados em batalha em locais gelados), Sandtroopers (especializados em batalha em locais desérticos), Shocktroopers (usados como força policial e guarda costas de figuras importantes), Deathtroopers (aqueles de armadura escura que apareceram em Rogue One, com treinamento mais especializado), Shadowtroopers (também de armadura negra, se distinguiam pelo armamento pesado), Scouttrooper (com armadura mais leve, eram mais ágeis e apareceram no Retorno de Jedi, na superfície de Endor).

Existiam ainda os Magmatroopers (especializados no trabalho em locais vulcânicos), Seatrooper (especializados em trabalhos aquáticos), Spacetroopers (especializados no trabalho em ambientes com gravidade zero, cujo trabalho notável era a patrulha do lado de fora da Estrela da Morte), Heavy Stormtrooper (equipados com armamento muito pesado), Purge Trooper (possuindo grandes e pesadas armaduras e armamento de grosso calibre), Flametrooper (equipados com lança chamas, similares aos que apareceram em O Despertar da Força), Stormtrooper grenadier (equipados com lançadores de granadas), Snipertrooper (equipado com rifles de longo alcance)…

Veja também:

> Troops: paródia hilária mostra dia a dia dos soldados em Tatooine

Analisando tamanha especialização, é fácil se dar conta do tamanho da máquina de guerra imperial e o investimento pesado em treinamento, equipamento e maquinário, além do esforço pela adaptação das forças militares a todos os tipos de terreno e condições da galáxia, buscando a submissão de todos os sistemas planetários ao Imperador.

Com a hierarquização da máquina imperial, porém, aconteceu a corrupção de muitas figuras, que não hesitaram em agir conforme seus próprios interesses para ascender a cargos mais altos e cair nas boas graças de Palpatine. Nesse contexto, entretanto, os Stormtroopers eram apenas um elo da corrente de comando.

 

RESUMINDO:

A diferença básica dos dois grupamentos militares envolve, portanto, sua constituição. No caso dos Clone Troopers, foi formado um corpo militar de clones idênticos a Jango Fett, com metabolismo acelerado, restrição de obediência e características físicas e habilidades idênticas ao seu modelo. Foram utilizados principalmente pela República na luta contra os separatistas, e serviram a Palpatine no extermínio dos Jedi e expansão inicial do Império.

Os Stormtroopers, por outro lado, foram formados a partir de academias militares que captavam jovens humanoides de toda a galáxia para o serviço do Imperador, cada jovem tendo características físicas, habilidades e graus variáveis de obediência. Foram utilizados pelo Império durante todo o período de sua dominação, até a morte de Palpatine, na segunda Estrela da Morte. Posteriormente o grupamento teve mudanças com a ascensão de Snoke e a formação dos Cavaleiros de Ren, mas isso é uma história ainda em construção…